Páginas

Facebook

quinta-feira, 18 de novembro de 2021

Oradores Do Crato Contabilizam Prejuízo Após Chuvas De 111 Milímetros


 

.com / img / a /
Padeiro teve a casa invadida pelas águas da chuva. Ele perdeu, fogão e botijão de gás. Foto: Reprodução / TV Verdes Mares

As chuvas ocorridas nos últimos dias voltaram a causar prejuízos em diversos bairros do Crato. Segundo a Fundação Cearense de Meteorologia e Recursos Hídricos (Funceme), choveu 111 mm no município entre domingo (14 de novembro) e segunda-feira (15). Houve também desaparecimento entre sábado (13) e domingo, de 55 milímetros.

Os bairros mais prejudicados com as chuvas foram Centro, Sertãozinho e Alto da Penha. Concluído aos transtornos, a Defesa Civil do Crato realiza desde o fim de semana visitas técnicas nas áreas atingidas. O órgão monitora como áreas de risco.

O padeiro Cícero Antônio da Silva teve uma casa invadida por conta da força da água da chuva que caiu na noite de segunda-feira. A água quebrou um muro e entrou na casa localizada no Bairro Alto da Penha. Ele perdeu o fogão, geladeira e o botijão de gás.

“Na hora eu só escutei um barulho de telha caindo. Pensei na parede e esperamos um pouquinho. Aí só deu tempo para eu abrir uma porta e correr para fora. A parede começou a cair e desceu tudo. Desceu fogão, gás, geladeira ”, disse.

.com / img / a /

A Defesa Civil do Crato orienta uma população para ligar o número 153 do órgão. Nele, o morador pode relatar o problema e ser ajudado pelas equipes da Defesa Civil, Guarda Municipal, Departamento Municipal de Trânsito (Demutran), além do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu).

Moradores que residem nas proximidades do canal do Rio Granjeiro também enfrentaram problemas, mas sem gravidade, apenas com alagamentos nas ruas e avenidas próximas ao canal. Muitas estradas vicinais também estão prejudicadas na zona rural, segundo moradores.

                                                             g1 ce