quarta-feira, 24 de junho de 2020

Governo do Estado está analisando dois programas de incentivo a micro e pequenas empresas no Ceará

A Secretaria de Desenvolvimento Econômico e do Trabalho do Estado apresentou dois programas de incentivo à micro e pequenas empresas cearenses ao governador Camilo Santana. Focado em clusters de inovação e na realidade apresentada para pós-pandemia, os projetos deverão envolver mais de 2 mil negócios.

A informação foi confirmada pelo titular da Sedet, Maia Junior, durante o Seminário de Gestores Públicos: Prefeitos do Ceará 2020.

Segundo Maia, os projetos estão sendo desenvolvidos em parceria com a Associação dos Municípios do Estado do Ceará (Aprece), o Sebrae e a Fecomércio-CE. Os projetos deverão focar na economia do conhecimento para explorar a realidade da economia após os impactos da crise do novo coronavírus e explorar potenciais tecnológicos.

"Estamos com dois programas já na mesa do governador Camilo Santana voltados para as micro e pequenas empresas, um em parceria com o Sebrae e outro com a Aprece e a Fecomércio, que vai envolver mais de 2 mil empresas e que vai testar essa nova realidade da economia do conhecimento e vai testar as oportunidades que o Ceará capitalizou, que são o capital humano e a inovação", explicou Maia.

O secretário, no entanto, não deu mais detalhes sobre os projetos, que deverão ser anunciados pelo governador Camilo Santana caso sejam aprovados.

Nenhum comentário:

Postar um comentário