Páginas

Facebook

segunda-feira, 26 de julho de 2021

Prefeitura de Mauriti inaugura abrigo para crianças e adolescentes afastados de convívio familiar.

 




O Governo Municipal de Mauriti através da Secretaria de Assistência Social inaugurou hoje, 23, o abrigo para crianças e adolescentes. O serviço de acolhimento implantado, atende as orientações técnicas do serviço de acolhimento Institucional para Crianças e Adolescentes e garante a individualidade no atendimento, acolhimento e proteção integral a crianças e adolescentes afastados provisoriamente do convívio familiar, com estrutura e rotina semelhante à de uma residência.
Segundo a secretária Claudia Fernanda o serviço de Acolhimento Institucional para Crianças e Adolescentes de Mauriti conta com uma equipe com coordenador, Psicóloga, Assistente Social, psicólogo, cuidador, auxiliar de cuidador e vigia e funcionará 24 horas.
O espaço conta com sala de visita, refeitório, cozinha, almoxarifado, dormitório feminino, masculino é de cuidador, sala administrativa, coordenação, espaço de acolhimento familiar, brinquedoteca, sala de estudo e área aberta de lazer.
A presidente do CMDCA, Ligianne Gonçalves, relatou a importância deste momento para a sociedade de Mauriti e os esforços da gestão municipal para tornar possível a abertura do abrigo. "Todos os esforços para garantir e proteger a criança e ao adolescente é de fundamental importância para combater a ameaça e a violação de direitos. Os serviços de acolhimento é mais uma ação para assegurar e fazer valer o que diz o estatuto da criança e do adolescente. Que bom que Mauriti realiza mais uma conquista”, relatou.
A secretária Claudia Fernanda agradeceu a todos pelo empenho na realização desta conquista e principalmente aos esforços do prefeito em exercício. “Será um desafio, mas quero dizer que temos coragem e temos o melhor que é coração para acolhermos estas crianças de 0 a 18. Eu como mãe, sei da necessidade de cada um e o conselho tutelar sabe como eu trato cada caso, eu sempre digo que temos que tratar as pessoas como se fosse a gente que estivesse procurando o serviço”, relatou a secretária.
O prefeito em exercício João Paulo Furtado também falou dos desafios para abertura do abrigo, “estes investimentos dando certo quem ganha é todo nosso Mauriti. Nós sabemos de todos os problemas, de todas as classes sociais, e sabemos que muitas vezes alguns não depende de nós, enquanto prefeitura. Com esse Governo Federal que está aí que não ajuda, sabemos de todas as dificuldades e a gente se ver sem poder fazer muito por essas pessoas em momento de fragilidade que passa o país. Mas quero agradecer a todos pelo empenho na realização e efetivação deste abrigo para estas crianças”, finalizou o prefeito.