Páginas

Facebook

sábado, 5 de junho de 2021

Médico caririense que trabalhava em Salgueiro é mais uma vítima fatal da Covid-19.

 Mais um médico que prestava relevantes serviços aos moradores de Salgueiro e região do Sertão do Araripe, no vizinho estado de Pernambuco, teve a vida ceifada precocemente pela Covid-19. André Alves Ramalho, 36 anos, responsável pelos atendimentos de ortopedia na UPAE de Salgueiro, faleceu na noite desta sexta-feira (04), por complicações da doença.


Natural do município caririense de Brejo Santo, Dr. André estava internado desde a segunda quinzena de abril no Hospital Regional do Cariri, em Juazeiro do Norte. O profissional havia sido intubado na luta para vencer a doença, mas infelizmente, aquele que ajudou tantas pessoas ao longo de sua carreira, não conseguiu vencer essa batalha.

Segundo informações divulgadas pela TV Verdes Mares, Dr. André tinha comorbidades e havia tomado as duas doses da vacina Coronavac.

Dados do Ministério da Saúde obtidos pela CNN no mês de maio, via Lei de Acesso à Informação (LAI), mostram que há casos de pessoas que, mesmo completamente imunizadas com a Coronavac, contraem Covid-19 e morrem por causa da doença. 

O número, no entanto, é extremamente baixo: uma morte a cada 25 mil pessoas que tomaram as duas doses do imunizante, o que equivale a 0,004% dos vacinados. 

Para especialistas, esses números evidenciam que a vacinação é uma proteção coletiva e que a vida não poderá "voltar ao normal" a não ser que grande parte da população esteja completamente vacinada.

Os especialistas são unânimes em afirmar que o desempenho da Coronavac tem sido muito bom e que é extremamente importante que a população siga se vacinando. 

"A vacina trabalha com redução de risco. Isso é o que qualquer vacina faz, não existe vacina 100%", pontua a microbiologista Natália Pasternak.

À família, o site Gazeta do Cariri envia desejos de força e que Deus possa confortar todos.

 com informações do Blog Alvinho Patriota e CNN)



dp