segunda-feira, 19 de abril de 2021

Voo com insumos para 5 milhões de doses da CoronaVac chega a São Paulo

 












Insumos chegaram nesta segunda-feira, 19 (Foto: Sergio Andrade)
Insumos chegaram nesta segunda-feira, 19 (Foto: Sergio Andrade)

Nesta segunda-feira, 19, um voo com um novo lote de 3 mil litros de Insumo Farmacêutico Ativo (IFA) chegou ao Aeroporto de Guarulhos (SP). O insumo servirá para produção local de mais 5 milhões de doses da CoronaVac no Instituto Butantan.

De acordo com o portal UOL, a aeronave da Turkish Airlines decolou de Pequim, na China, na sexta-feira, 16. Momentos antes do avião pousar em Guarulhos, o governador João Doria (PSDB) postou um vídeo comemorando a chegada do material.

"Estou aqui no Aeroporto Internacional de Guarulhos para receber mais uma carga de insumos da vacina do Butantan, a vacina do Brasil, a vacina da vida. São mais 5 milhões de brasileiros que serão vacinados com os insumos que estão chegando", disse.


Vacinas produzidas

 

O carregamento de IFA entregue hoje é o terceiro do ano fornecido pela farmacêutica Sinovac, parceira internacional do Instituto Butantan na produção da CoronaVac.

Até a última quarta-feira, 14, foram entregues 40,7 milhões de doses do imunizante ao Programa Nacional de Imunizações (PNI). O total de envios corresponde a 88,4% das 46 milhões de doses previstas até 30 de abril no primeiro contrato do Instituto Butantan com o Ministério da Saúde.

Ainda nesta segunda, há previsão de entrega de mais 1,5 milhão de doses. Em janeiro, foram disponibilizadas 8,7 milhões de doses da CoronaVac. Já em fevereiro foram 4,85 milhões, em março 22,7 milhões e em abril outras 4,5 milhões de doses, até agora. 


 

O presidente do Instituto Butantan, Dimas Covas, informou na quarta-feira, 14, que a conclusão da entrega do primeiro contrato de 46 milhões de doses da CoronaVac ao Ministério da Saúde será feita em maio e não mais em abril, como previsto.

"Em maio, até o dia 10, nós entregaremos as 46 milhões (de doses), e já iniciamos a entrega dos 54 milhões adicionais", disse Covas em entrevista coletiva no Palácio dos Bandeirantes. Houve um atraso na entrega do IFA importado da China, que deveria ter chegado ao Brasil na semana passada.

O contrato do Butantan com o Ministério prevê mais 54 milhões de doses da CoronaVac após a conclusão das 46 milhões de doses. Os imunizantes devem ser entregues contratualmente até setembro, mas o instituto promete finalizar em agosto.

                                                 o Povo 

Nenhum comentário:

Postar um comentário