sexta-feira, 16 de abril de 2021

CRATO PODERÁ CONTAR COM PROGRAMA DE CRÉDITO MUNICIPAL E UM BANCO COMUNITÁRIO

 














Com o objetivo de obter alternativas para impulsionar o desenvolvimento econômico, a Prefeitura Municipal do Crato, por meio do Secretaria de Turismo e Desenvolvimento Econômico Sustentável, esteve em reunião nesta quinta-feira, 15, com representante do Banco comunitário Palmas e do Instituto E-dinheiro Brasil para estudo de um programa municipal de crédito para profissionais autônomos, micro e pequenas empresas.

Na reunião com Joaquim Melo, diretor de projetos do Banco Palmas, e o Secretário de Turismo e Desenvolvimento, Rafael Branco, foram discutidas as possíveis formas de implementação do programa e de um banco comunitário na cidade do Crato.

De acordo com o diretor do banco Palmas, o programa de Microcrédito no Município do Crato é uma extraordinária ferramenta para o aquecimento da economia local, nesse período de pandemia. Terá um grande diferencial ao direcionar os tomadores de crédito para fazerem suas compras no próprio comércio do Crato, através da Moeda Social. Esse programa de crédito e, também, o embrião do futuro Banco Municipal do Crato, que poderá ser inaugurado até o final do ano. "Os empreendedores formais e informais do Crato terão acesso a um crédito rápido, sem burocracia e adaptado à realidade econômica de cada negócio", afirma Joaquim Melo.

O Instituto E-dinheiro Brasil, que é um braço do Banco Palmas, irá garantir uma plataforma digital para as operações de crédito e pagamento, oferecendo maior celeridade e segurança para o programa de crédito.

O secretário de Turismo, Rafael Branco, esclarece que, a pedido do prefeito Zé Ailton Brasil, segue em busca de novas ferramentas de fomento ao desenvolvimento econômico na cidade do Crato e uma forma de auxílio nesse momento difícil para que os empregos sejam mantidos e negócios não sejam fechados. "Esse programa é uma prioridade da gestão municipal, que não mede esforços para buscar o desenvolvimento do município do Crato.", explica Rafael Branco.

Nenhum comentário:

Postar um comentário