sexta-feira, 26 de fevereiro de 2021

Leonardo Da Vinci chega a 150 UTIs para atendimento Covid com abertura de nova ala, em Fortaleza

 









O governador do Ceará, Camilo Santana, e o secretário da Saúde do Ceará, Carlos Roberto Martins Rodrigues Sobrinho (Dr. Cabeto), entregaram mais 20 leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) no Hospital Estadual Leonardo da Vinci (HELV). O anúncio foi realizado nesta sexta-feira (26) durante transmissão ao vivo nas redes sociais.

A entrega amplia a capacidade de atendimento da unidade para pacientes com coronavírus. O HELV passa a contar, agora, com 150 leitos de UTI Covid-19. “São 20 leitos de UTI, novos, com toda equipe médica aqui já pronta para receber. Todos os equipamentos já preparados para atender os nossos pacientes do Ceará. Com isso, estamos passando de 130 leitos de UTI para 150 só aqui no Hospital Estadual Leonardo da Vinci”, ressalta o governador.

Com nova ala sendo reformada, outros 20 leitos devem ficar disponíveis em breve, aumentando o número de vagas em UTI para 170. “Nós estamos no andar de cima (do HELV) com outra obra. Serão mais vinte leitos de UTI que nós queremos inaugurar agora, já em março, o mais rápido possível”.

Camilo Santana destacou que a rede de saúde do Estado deverá contar com mais de mil leitos de UTI Covid-19 até o fim de março. “Queremos chegar, só no Leonardo (da Vinci) a 170. Com isso, estamos saindo de 680 leitos de UTI na segunda-feira e chegando a 710 leitos hoje (sexta-feira, 26) nos nossos hospitais e em nossos conveniados. Vamos continuar toda uma expansão. Deveremos chegar, na próxima semana, aos 811 leitos de UTI, conforme tínhamos anunciado e, até o final de março, ultrapassar os mil leitos em toda a rede do Ceará”, detalhou o governador.

Titular da Saúde do Ceará, Dr. Cabeto fez um apelo aos cearenses quanto à prevenção da doença, destacando a importância dos cuidados. “Cada um tem que fazer a sua parte e ninguém pode se eximir dessa responsabilidade. Nós temos visitado as UTIs diariamente, assistido os pacientes em vista da angústia dessas pessoas e dessas famílias. Nós precisamos, independentemente das determinações, trazer a responsabilidade para si, para que a gente possa colaborar”, sublinha o secretário.

Nova ala

Com uma área de aproximadamente 550 m², a ala entregue nesta sexta-feira (26) conta com o diferencial de um posto centralizado, permitindo a observação permanente dos pacientes, além das áreas de serviço e dois isolamentos, de acordo com o regulamento técnico RDC 50, que atende as edificações assistenciais de saúde.

Em março de 2020, no início da pandemia, o HELV foi requisitado à iniciativa privada pelo Governo do Ceará para somar aos equipamentos da rede estadual de saúde no tratamento de pacientes com Covid-19. Já em novembro do mesmo ano, o governador Camilo Santana anunciou a aquisição definitiva da unidade pelo Estado.

Nenhum comentário:

Postar um comentário