quinta-feira, 3 de dezembro de 2020

Oriel Nunes Filho voltará à Assembleia Legislativa

 3E1920B2-E732-4909-B579-F854B45813B6

O jovem agropecuarista e fisioterapeuta icoense, Oriel Nunes Filho(PDT), concorreu à Assembleia Legislativa do Estado do Ceará em 2018, quando obteve cerca de 40 mil votos naquele pleito.

Embora com expressiva votação, Oriel Nunes Filho restou na terceira suplência, à época, mesmo sendo mais votado do que alguns parlamentares eleitos por consequência do quociente eleitoral e coligações partidárias.

Assumiu o mandato, por alguns meses, na licença para fins particulares do deputado Osmar Baquit.

Com as mudanças na composição da Assembleia Legislativa do Ceará decorrentes das eleições deste ano, ocorrerão mudanças em sua composição partidária no período 2021/2022.

Nestas eleições, foram eleitos prefeitos os deputados estaduais José Sarto(PDT – Fortaleza), Vítor Valim(Pros – Caucaia), Bruno Gonçalves(PL – Aquiraz), Nezinho Farias(PDT – Horizonte) e Patrícia Aguiar(PSD – Tauá).

Com isso, serão empossados os suplentes Manoel Duca(PDT), Toni Brito(Pros), Gordim Araújo(Patri), Lucílvio Girão(PP) e Davi de Raimundão(MDB), respectivamente.

Com esse quadro novo, pós eleições, a partir de janeiro de 2021 Oriel Nunes Filho deverá ficar na primeira suplência e assumir o mandato imediatamente, tendo em vista que o deputado José Albuquerque foi nomeado pelo governador Camilo Santana, secretário Estadual das Cidades.

Oriel Nunes Filho é o quarto membro da família Nunes que representará o Icó e o Vale do Salgado na Assembleia Legislativa. 

Já passaram pela casa legislativa cearense o seu pai, Oriel Nunes; o seu irmão, Neto Nunes e a sua cunhada Laís Nunes, reeleita prefeita de Icó nas eleições municipais findas 


Roberto Moreira 

Nenhum comentário:

Postar um comentário