quinta-feira, 26 de novembro de 2020

Vereador eleito ignora pandemia e promove “festa da vitória” com aglomeração em Canindé

 festa-vereador


Festa com três bandas de forró, bebida alcoólica e muita gente. Sem máscara ou distanciamento. O evento em questão aconteceu em Canindé, Sertão Central, na última terça-feira (24), quando o país atingiu a marca de 170 mil mortos pela Covid-19.

O motivo da festa foi a vitória de Manoel Deodato (Solidariedade), eleito vereador com 1.509 mil votos. Ele planejou a comemoração e distribuiu, no município, pulseiras de acesso ao local da festa.

O vereador eleito, por sua vez, argumenta que foram somente algumas pessoas, todas com máscara. No local, segundo Manoel Deodato, todos estavam de máscara. As imagens contradizem a versão, mostrando uma grande quantidade de pessoas em um espaço pequeno e sem nenhuma proteção.

O Ministério Público do Ceará afirmou que vai investigar o caso. Conforme o Integrasus, Canindé já registrou 2.074 casos da doença. 

A voz de Santa Quitéria 

Nenhum comentário:

Postar um comentário