sábado, 28 de novembro de 2020

URCA decide pela continuidade das aulas remotas a partir de segunda (30)

 dasddadd-750x375


                                              Foto > Divulgação 


Com aulas presenciais suspensas devido a situação pandêmica da Covid-19, a Universidade Regional do Cariri (URCA), anunciou nesta sexta-feira (27), a continuidade das aulas remotas oficialmente para conclusão do calendário acadêmico de 2019.2 a partir da próxima segunda-feira (30). A instituição havia retomado apenas as atividades administrativas em seus campi, sem a oficialização de retomada das aulas de forma remota.


O anúncio foi feito Conselho de Ensino, Pesquisa e Extensão (CEPE), que optou pela continuidade das aulas de forma remota para todos os cursos da universidade. No anúncio feito pelos canais oficiais da instituição, foi informando ainda que o período letivo deve ser encerrado no mês de janeiro, que a retomada segue “todas as diretrizes relacionadas à prevenção da Covid -19, desta forma adequando às atividades conforme as coordenações dos cursos e Unidades Descentralizadas da Instituição”.

No entanto, não foi informado pela URCA quanto a retomada de aulas presenciais ou semi-prenciais, tampouco a situação de estágios, residências, situação dos discentes quanto às atividades extracurriculares, matrículas para o novo semestre e o vestibular 2020.1. Em nota, a instituição informou que “assim que for definido e concluído o semestre, o novo calendário será divulgado amplamente”.

Calendário em atraso

A URCA já estava com o calendário atrasado desde o início do ano. Em fevereiro, a universidade deu início ao semestre 2019.2, com previsão de término no próximo dia 30 de novembro. Embora o semestre tenha se estendido por quase 9 meses, devido às dificuldades apresentadas por alunos e professores para adotar o modelo imediatamente, a instituição afirmou que, em nenhum momento, houve a paralisação das atividades, que continuaram de forma heterogênea, principalmente com as aulas remotas e seminários online. Os alunos também foram recentemente contemplados com chips de acesso a internet, por meio de parceria com o Governo do Estado do Ceará, para que estes possam seguir com as aulas remotas.

Em relação a continuidade das aulas remotas, a pró-reitora de Ensino de Graduação, professora Ana Maria Parente, afirma que enquanto não tiver vacina, a URCA segue a orientação do Conselho Nacional e Educação de continuar com as aulas de forma alternada. Inclusive, de permanecer com as aulas remotas até o final de 2021, se for necessário, e “com muita segurança para os alunos e professores”, como afirma. Ela disse ainda que tudo vai depender da questão epidemiológica, mas as estratégias de aulas continuam, com o ensino híbrido. 

( Badalo) 

Nenhum comentário:

Postar um comentário