quinta-feira, 12 de novembro de 2020

Estudante de Várzea Alegre da EP tira primeiro lugar em concurso de redação da SEDUC

 



220f0298-1ec0-4dfb-92ca-4b4dbe1053bf-800x445



jovem estudante Brener Silva, 17 anos, da escola de Educação Profissional Dr. José Iran Costa, em Várzea Alegre, tirou o primeiro lugar em concurso de Redação “Enem chego junto, chego a 1000”, da Secretaria de educação do estado – SEDUC.

O projeto faz parte das ações pedagógicas do Programa ‘Enem chego junto chego bem’, idealizado anualmente em parceria com o Jornal O Povo e a Fundação Demócrito Rocha.

Não fomos informados quantos alunos participaram. O público alvo são os estudantes do 3° ano uma vez que o objetivo da ação é preparar os alunos para que obtenham um bom desempenho na prova do Enem, sobretudo na de Redação.

O concurso teve como tema “Os desafios e perspectivas do ensino a distância em tempos de pandemia

A competição acontece em 03 etapas (escolar, regional e estadual). Brener é vencedor da etapa regional e receberá o prêmio de um smartphone e terá a sua redação publicada em um livro com tiragem de 2.500 exemplares. Ao ser procurado pela reportagem, o jovem demonstrou felicidade pela conquista.

O sentimento é de gratidão e de extrema felicidade. O ENEM 2020 ocorrerá em pouco mais de dois meses e oportunidades como essa são incríveis e muito valiosas, pois nos instiga a desenvolver as nossas habilidades de escrita, e que realmente nos prepara para o texto dissertativo-argumentativo do ENEM, tendo em vista que a redação é importantíssima e decisiva para o ingresso na Universidade”, disse o jovem.

E Continuou. “Durante todo o mês de setembro nós, alunos do 3° ano, tivemos uma proposta de Redação, que englobavam as mais diversas áreas do saber. Temas acerca da relevância da ciência, da importância do adolescente no desenvolvimento social, da importância de saber sobre o holocausto. Cada uma dessas propostas nos ajuda a evoluir não somente na produção de um texto, mas também como cidadão e no desenvolvimento da sociedade.

Agradecer primeiramente a Deus por essa oportunidade e aos profissionais da escola DR. José Iran Costa, sobretudo à professora de redação, Sandra Ferreira, por nos motivar e nos fortalecer”, encerrou.

Ainda sobre a realização do concurso anual, de agosto a outubro são lançados temas para a produção textual pelos estudantes. Estes publicam seus textos em uma plataforma do Concurso os quais são analisados por um grupo de corretores contratados pela Seduc para este fim.

Ao final, a Seduc sorteia um dos temas propostos e entre os textos escritos para este tema, uma Comissão analisa, na escola, a melhor redação e envia para concorrer na etapa regional na Crede.

Conforme o diretor da escola profissional de Várzea Alegre, Carlos André, este ano, pela segunda vez consecutiva, o vencedor da fase regional foi um aluno da sua escola. “Agora seguimos para concorrer na etapa estadual, mas o estudante já tem uma premiação pela conquista da fase regional”, disse.

O segundo lugar saiu para o jovem Samuel Sobreira, da EEEP Prof Gustavo A. Lima, de Lavras da Mangabeira, e para Rayane Oliveira, da EEEP Francisca Maria de A. Moura, de Cedro.


Várzea Alegre agora 

Nenhum comentário:

Postar um comentário