quinta-feira, 15 de outubro de 2020

Quixadá: Professores do Sertão Central são homenageados por projeto de extensão da FECLESC

 FECLESC



     
  •  
  •  
  •  

“O projeto de extensão “Fontes Históricas da Ditadura” da Faculdade de Educação, Ciências Central (Feclesc), da Universidade Estadual do Ceará (Uece) em Quixadá, abre sua programação de atividades de outubro com homenagens aos professores de História do Sertão Central. O projeto, que vem produzindo podcasts como práticas educativas, lança por todo este mês uma série especial com o tema “Escutas da Docência: Aulas de História sobre a Ditadura”.

Segundo o coordenador do projeto desde 2018, professor Edimilson Alves Maia Junior, essa foi a forma mais carinhosa e crítica que ele e seus estudantes, futuros professores de História, encontraram para fazer uma homenagem aos professores em um momento em que esses profissionais vêm sendo desvalorizados em nosso país.

A série apresenta conversas com professores de cidades do Sertão Central cearense acerca de suas trajetórias profissionais, conteúdos curriculares e metodologias de ensino da ditadura. Ainda de acordo com o coordenador, os programas trazem também depoimentos dos docentes sobre formas de construção de diálogos com o universo cultural dos estudantes da Educação Básica.

Essa busca do diálogo é uma forma de aproximação com a realidade dos alunos em seus cotidianos mais específicos. Dentre essas buscas em dialogar com a realidade dos discentes, os professores da educação básica discutem ainda sobre assuntos como: os significados/significações das redes sociais na vida dos jovens do Sertão Central; as mudanças sobre o debate da Ditadura na sala de aula nos últimos anos e a situação das aulas online com suas possibilidades e dilemas.

Os professores homenageados são das cidades que ficam no em torno de Quixadá e que participam sempre da programação acadêmica e cultural da Feclesc. Entres as cidades que têm docentes da educação básica com participação nos programas estão Banabuiú, Capistrano, Choró, Itapiúna, Milhã, Mombaça, Pedra Branca, Quixeramobim e Quixadá.

O podcast que abriu a série especial “Escutas da Docência: Aulas de História sobre a Ditadura” foi lançado no dia 3 de outubro e os demais serão apresentados nos fins de semana subsequentes até o dia 7 de novembro. Nesse sentido, durante seis finais de semana consecutivos, o projeto lança aos sábados em seu canal do Youtube e aos domingos em seu Facebook um episódio dos podcasts que fazem parte dessa homenagem. As duas redes sociais digitais podem ser encontradas com o mesmo nome: projeto Fontes Históricas da Ditadura. 


MONÓLITOS POST 

Nenhum comentário:

Postar um comentário