quarta-feira, 7 de outubro de 2020

Após primeiros atos de campanha, Justiça Eleitoral propõe fim de eventos causadores de aglomerações em Tauá

 .com/proxy/

Após observar os primeiros movimentos de campanha eleitoral realizados no último final de semana no município de Tauá, a Justiça Eleitoral propôs aos partidos, coligações e candidatos, a suspensão de eventos causadores de aglomerações, por conta das medidas de isolamento e distanciamento social em prevenção ao coronavírus.

A proposta foi apresentada pelo Juiz Eleitoral Dr. Tadeu Trindade de Ávila e a Promotora Eleitoral, Dra. Karina Mota, com o reforço do Chefe do Cartório Eleitoral Dr. Éder Ferreira, durante a audiência pública que definiu o início da propaganda eleitoral gratuita no rádio para a próxima sexta-feira(09).

A Promotora Dra. Karina Mota afirmou ter acompanhado as movimentações realizadas e demonstrou sua preocupação com as aglomerações, o que pode aumentar cada vez mais os números da pandemia da Covid-19 no município, apesar de reconhecer que a legislação eleitoral permite a realização desse tipo de evento, no entanto, existem os decretos estaduais e municipais relacionados ao momento da pandemia que também devem ser observados.

.com/proxy/

Audiência pública ocorreu na parte externa do Fórum Eleitoral Dr. Aroldo Mota 

No último sábado(03), pelos menos 3 eventos realizados, dois adesivaços e uma carreata, registraram aglomerações e até pessoas sem o uso de máscaras conforme mostram as imagens divulgadas em redes sociais pelas próprias equipes de marketing das coligações e isso chamou a atenção da Justiça Eleitoral que resolveu propor a não realização de carreatas, passeatas e demais eventos que descumpram os decretos estaduais.

A proposta foi acatada pela maioria das coligações cujos candidatos estavam presentes. Como a candidata da Coligação TAUÁMOR, Patrícia Aguiar não pôde comparecer devido a agenda de campanha, os representantes mantiveram a posição em defesa da realização dos eventos, mas no final da tarde, a própria candidata Patrícia Aguiar procurou a Promotora Dra. Karina Mota para comunicar que concorda com a proposta feita pela Justiça Eleitoral.

O acordo deverá ser assinado por todas as coligações no mais tardar até amanhã(08).

Ainda segundo a proposta, os candidatos poderão realizar visitas, distribuição de adesivos e bandeiraços, dentre outros movimentos, desde que respeitadas as normas de prevenção ao Covid-19.

Veja imagens das atividades de campanha

.com/proxy/

Coligação A Força é Povo 

.com/proxy/

Coligação Tauá Pode Mais

.com/proxy/

Coligação TAUÁMOR   


Wilrismar Holanda 

Nenhum comentário:

Postar um comentário