sábado, 30 de maio de 2020

Governo do Ceará entrega cerca de 150 cestas básicas para artesãos do interior




A união entre Estado e sociedade civil continua trazendo benefícios aos artesãos cearenses. Através de nova doação do projeto Auê do Amor, da Auê Feira, a Central de Artesanato do Ceará (CeArt), equipamento da Secretaria da Proteção Social, Justiça, Cidadania, Mulheres e Direitos Humanos (SPS) realizou a entrega de 146 cestas básicas a grupos artesãos dos municípios de Aracati, Itapajé, Itapipoca e Tejuçuoca nesta semana.

“Se todos nos engajarmos em benefício do próximo, menos danos teremos na sociedade. Assim temos feito e esse deve ser o espírito de todos diante de uma pandemia como essa. É muito gratificante saber que entidades, dos mais variados segmentos, têm se envolvido em ajudar àqueles que mais necessitam. Juntos venceremos essa luta”, destaca a primeira-dama do Ceará, Onélia Santana.

O Centro de Arte e Cultura Canoa Mulher, a Associação das Bordadeiras Artesanais de Itapajé, a Associação dos Artesãos do Imóvel Maceió e a Associação Comunitária São Pedro foram os grupos beneficiados pela doação, que totaliza 1314 quilos de alimento. “Neste período onde a produção e a venda do artesanato são afetadas pelo isolamento social, o Governo do Ceará tem satisfação em contar com o apoio das entidades que, através dessas doações, tem ajudado a levar alimento à mesa dos nossos artesãos”, afirma a titular da SPS, Socorro França.

A representante da Associação Comunitária São Pedro, Irene Mota, fala sobre a realidade enfrentada em Tejuçuoca: “Aqui não paramos nossa produção, mas demos uma reduzida e nos dividimos para trabalhar como dá. Com as cestas doadas, 21 bordadeiras serão ajudadas, por isso agradecemos bastante a iniciativa”.

Ao todo, 251 cestas já foram entregues aos artesãos cearenses através da parceria com o projeto Auê do Amor. Além dos beneficiados nesta entrega, 105 rendeiras de Aquiraz e Trairi também receberam doações no mês de abril.

Nenhum comentário:

Postar um comentário