Páginas

Facebook

quinta-feira, 10 de dezembro de 2020

DNOCS inicia revitalização do Complexo Histórico do Açude Cedro

 02

Nessa terça-feira, 08, o Departamento Nacional de Obras Contra as Secas (DNOCS) iniciou a execução dos serviços técnicos para a recuperação do Complexo Histórico da Barragem do Açude Cedro, em Quixadá, no Sertão Central.

A empresa contratada para a ação é a Moretto Máquinas e Construções. A primeira fase do projeto conta com um investimento de R$ 205 mil (R$ 205.106,86). A previsão de conclusão desta etapa é para 08 de janeiro de 2021.

O Ministério Público Federal no Ceará (MPF-CE) havia ingressado com uma Ação Civil Pública para que o Departamento implementasse medidas de reforma, manutenção e conservação do espaço. Na ACP, o procurador Francisco Alexandre de Paiva Forte relatou o estado de abandono do complexo por parte do âmbito federal, responsável pela manutenção do equipamento.

Em 1997, o Cedro foi tombado pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan) e atualmente encontra-se em vias de ser elevado a Patrimônio Histórico da Humanidade pela Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (Unesco).

Do Repórter Ceará