quinta-feira, 13 de agosto de 2020

Moro será professor do curso de direito do Centro Universitário de Brasília

 O ex-juiz Sergio Moro dará aulas no curso de direito do UniCEUB (Centro Universitário de Brasília) a partir do dia 15 de setembro. As informações foram confirmadas pela assessoria dele ao UOL.

117303346_3197778953649144_3525472613262400757_n.png?_nc_cat=106&_nc_sid=8024bb&_nc_eui2=AeHKa55hvTsNKu9uu0urEU3ZvjGfW15FmTG-MZ9bXkWZMbQzQgtTAtpEDhh4lheN9MARxpDxWSJNgED26ciXJncS&_nc_ohc=mIhuOxQGo2YAX8smK_o&_nc_ht=scontent.fjdo10-1


O ex-ministro da Justiça e Segurança Pública do governo de Jair Bolsonaro (sem partido) será responsável pelos cursos de Combate à Corrupção, Combate à Lavagem de Dinheiro e Estado de Direito.

As aulas de Moro serão ministradas duas vezes por mês, de 15 em 15 dias. Até o fim da pandemia da covid-19, as aulas serão todas virtuais.

Não será a primeira vez que Moro atuará como professor. O ex-juiz começou a lecionar em 1996, na Universidade Federal do Paraná (UFPR). Já em 2018, ele virou professor titular da graduação e pós-graduação do Centro Universitário Curitiba.

Após sair do governo federal, em abril, Moro afirmou via Twitter que ia descansar e começar a "procurar emprego".
Em junho, ele virou colunista da Crusoé, mas decidiu escrever de graça para a revista para não ter problemas com o TCU (Tribunal de Contas da União).

Por outro lado, a Comissão de Ética da Presidência da República permitiu que o ex-juiz desse aulas no período de seis meses da sua saída do Executivo, mesmo que ele tenha direito a receber uma remuneração a posteriori.

Nesse período, chamado de "quarentena", integrantes da cúpula governista são proibidos de prestar serviços à iniciativa privada após sua demissão, exoneração ou aposentadoria em razão do seu conhecimento sobre informações privilegiadas.

Fonte> noticias.uol.com.br

Nenhum comentário:

Postar um comentário