quarta-feira, 30 de outubro de 2019

Festival Sérvulo Esmeraldo 90 anos será aberto às 19h desta quarta (30), na URCA



images/stories/festival srvulo esmeraldo 1.jpg

ANO CULTURAL SÉRVULO ESMERALDO CULMINA COM FESTIVAL NO CRATO
Em celebração aos 90 anos do artista, serão realizados cursos, oficina, residências artísticas e exposições


 Em reconhecimento ao legado do artista nascido no Crato em 1929, o Governo do Estado do Ceará instituiu em 2019, por medida de Lei, o Ano Cultural Sérvulo Esmeraldo, comemorativo aos seus 90 Anos. Para marcar a data e homenagear a cidade natal do artista, o Instituto Sérvulo Esmeraldo realiza no Crato, em parceria com a Universidade Regional do Cariri (URCA), através da Pró-Reitoria de Extensão, o Festival Sérvulo Esmeraldo 90 Anos, que será realizado de 30/10 a 30/11.


Com curadoria de Dodora Guimarães e Marcus de Lontra Costa, o Festival promove no Crato uma programação que inclui cursos, oficinas, residências artísticas e exposições com grandes nomes da arte no Brasil. As atividades serão centradas na formação artística e gratuitas, sendo acessíveis a todos os públicos.
images/stories/festival srvulo esmeraldo 2.jpg
“Visando contribuir para o fortalecimento do meio cultural no âmbito das Artes Visuais no Crato e em toda a Região do Cariri, 

com ênfase na importância da informação, do conhecimento e do intercâmbio cultural, o Festival Sérvulo Esmeraldo 90 Anos quer movimentar a cena local de forma dinâmica e consequente”, afirma a curadora e presidente do Instituto Sérvulo Esmeraldo,

 Dodora Guimarães, idealizadora do evento.

O Festival é uma realização do Instituto Sérvulo Esmeraldo, em parceria com a Universidade Regional do Cariri (URCA) e Instituto Cultural do Cariri (ICC), com o apoio institucional do Governo do Estado do Ceará, por meio da Secretaria da Cultura do Estado – Secult, e da Prefeitura do Crato, com agradecimentos à Enel.



Exposição Babinski

Os visitantes do Festival Sérvulo Esmeraldo 90 anos poderão percorrer uma exposição inédita e antológica para reconhecer e festejar a presença de Maciej Babinski, artista nascido na Polônia (Varsóvia, 1931), que adotou o Cariri cearense há 27 anos – não como refúgio, mas como campo de expansão para a sua vida e para o exercício da arte com a maior liberdade possível.

Com residência e atelier em Várzea Alegre, o artista das filigranas agigantou-se no sertão do Cariri. Integrante de uma geração de artistas, cada vez mais rara, de sólida cultura e de domínio do métier, Babinski é um mestre reconhecido também por ter colaborado para a formação de importantes artistas brasileiros. Com curadoria de Dodora Guimarães, a exposição reunirá obras entre desenhos, gravuras e pinturas, realizadas entre 1967 e 2019.


Durante o Festival, os artistas residentes irão vivenciar o celeiro cultural que é o Cariri cearense, cada um com turmas de artistas inscritos e selecionados para a experiência, de 31/10 a 07/11. 

As residências artísticas têm à frente as artistas visuais com trabalhos colaborativos Rochelle Costi e Mônica Nador e o fotógrafo Gentil Barreira – que fotografou e acompanhou Sérvulo Esmeraldo por mais de 30 anos. Serão dias de imersão e compartilhamento que resultarão em uma exposição coletiva, com curadoria de Marcus Lontra Costa e Dodora Guimarães, na URCA – Campus Pimenta.


Marcus de Lontra realiza a Leitura de Portfólios. O curador do Prêmio Indústria Nacional Marcantônio Vilaça para as Artes Plásticas vai analisar os portfólios dos artistas visuais da Região, compartilhando saberes e experiência de mais de 40 anos de trabalho em museus e instituições culturais do país.

Ele também ministra o curso “Pesquisa, Curadoria, Exposições”, voltado para artistas, estudantes de arte, gestores e agentes culturais, buscando apoiar a formação de profissionais comprometidos com a realidade contemporânea, com as intersecções da arte com as esferas culturais, e com a produção de exposições como instrumento de reflexão e transformação do mundo.

Já o artista plástico educador Paulo Portella Filho, por sua vez, realiza a Oficina Preparatória para Professores de Arte e em geral do Ensino Fundamental, que estejam em sala de aula. A oficina visa a sensibilização dos alunos para melhor aproveitamento das duas exposições apresentadas pelo projeto.


A URCA promove uma série de atividades abertas ao público durante o Festival Sérvulo Esmeraldo 90 anos. No dia 14, às 14h, o Centro das Artes sedia uma sessão do projeto Cinemaria, cineclube que envolve professores e alunos de artes e a comunidade em geral.

Uma mesa-redonda sobre “O Crato de Sérvulo” reúne José Flávio Vieira, Humberto Cabral e Napoleão Tavares Neves. Essa acontece no dia 28/11, às 19h, no Instituto Cultural do Cariri (ICC).
Juntamente com a Secult, a universidade também promove exibições do documentário “Sérvulo Esmeraldo – O Espaço no Infinito”, durante o período do festival, nos municípios do Crato, Juazeiro do Norte e Barbalha. O calendário de exibições e os locais serão divulgados paulatinamente nas redes sociais do Instituto.

Também está prevista uma Vivência Estética Compositiva com André Moraes e Carolina Mapurunga, na Comunidade do Gesso, nos dias 29 e 30 de novembro.
images/stories/festival srvulo esmeraldo 3.jpg

SERVIÇO FESTIVAL SÉRVULO ESMERALDO 90 ANOS
DATA: De 30/10 a 30/11/2019
LOCAL: Crato/CE
Mais informações: Instagram @institutoservuloesmeraldo/ Facebook https://www.facebook.com/institutoservuloesmeraldo/

PROGRAMAÇÃO

30 de outubro: 16 horas
Encontro geral Curso, Oficina e Residências com selecionado(a)s
Abertura Oficial: 30 de outubro, 19 horas
Período: 30 de outubro a 07 de novembro de 2019
Curso Leitura de Portfólio e Pesquisa, Curadoria e Exposições – com o crítico e curador Marcus de Lontra Costa; Oficinas Preparatórias para Professores de Artes do Ensino Fundamental – com o artista educador Paulo Portella Filho; Residências Artísticas com Gentil Barreira, Monica Nador e Rochelle Costi

Abertura Exposições: 07 de novembro, 19 horas

Coletiva Conclusiva das Residências Artísticas com os Artistas Participantes.
Maciej Babinski: Desenhos, Gravuras e Pinturas (1961 – 2019)
Período das Exposições na URCA, Campus Pimenta: 07 a 30 de novembro de 2019
Visitação: segunda a sexta, das 08h às 12; das 14h às 16h; e das 18h às 22h

Nenhum comentário:

Postar um comentário